O prato típico português que mais me pediram para recriar na versão vegan e saudável foi o bacalhau com natas! E por isso nasceu este SEM BACALHAU SEM NATAS 😂 A estrela do prato são os cogumelos pleurotus, que já se encontram no Continente, Pingo Doce ou Auchan, para além dos supermercados bio.

A receita serve 4 pessoas (dupliquem para uma travessa grande que sirva 6-8 pessoas) e divide-se em 3 componentes:

Ingredientes

BATATAS ASSADAS:

  • 3 batatas grandes (500g), cortadas em pedaços pequenos, com ou sem casca
  • azeite, sal e pimenta preta q.b

SEM BACALHAU:

  • 250g cogumelos pleurotus
  • 2 alhos franceses, cortados em tiras
  • 1 cebola, cortada em tiras
  • 2 c. sopa molho de soja ou tamari
  • 3 folhas de louro
  • 1 molho de salsa fresca, picada
  • azeite, sal e pimenta preta q.b.

SEM NATAS:

  • 2 cháv água (500 ml)
  • 4 c. sopa farinha de grão-de-bico* (35g)
  • 2 c. sopa azeite (30 ml)
  • 1 c. sopa vinagre à escolha ou sumo de limão
  • sal (1/2 cc), pimenta preta e noz moscada q.b.

Instruções
  1. Numa travessa de ir ao forno, dispor as batatas, envolvendo com um fio de azeite, sal e pimenta preta. Levar ao forno pré-aquecido a 200°C por cerca de 30 min ou até que comecem a dourar.
  2. Desfiar os cogumelos longitudinalmente, no sentido dos filamentos e colocá-los numa frigideira larga com um fio de azeite, juntamente com o alho francês, a cebola e o louro. Deixar saltear em lume alto por 10 min. Adicionar o molho de soja, envolver e deixar por mais 5 min (ou até que a mistura esteja seca e a caramelizar). Adicionar temperos a gosto (pode não ser necessário sal pois o molho de soja já é salgado) e desligar o lume. Juntar a salsa picada e retirar as folhas de louro. Reservar.
  3. Numa panela pequena, juntar todos os ingredientes para as “natas”. Ligar o lume e ir mexendo com uma vara de arames. Quando começar a ferver, deixar por 2 min ao lume (continuando a mexer) e desligar.
  4. Retirar a batata assada do forno, juntar a mistura de cogumelos e verter as “natas” por cima. Levar ao forno por cerca de 45 min a 200°C ou até que fique dourado.

___

*pode ser outra farinha - escolhi a farinha de grão-de-bico para adicionar mais proteína, ferro e outros minerais ao prato.

Receita de Inês R. Pais - mais informação e imagens aqui: Inês R. Pais Instagram Account